Resíduos Sólidos de Saúde – O que você faz com o seu???

A polêmica sobre as proibição da  distribuição das  sacolinhas plasticas pelas redes de supermercados na cidade de São Paulo, ainda deve render muito.

Isso me fez pensar sobre o nosso lixo “contaminado” de cada dia.

As normas para descarte de lixo hospitalar estão dispostas na Resolução n° 306 da ANVISA de dezembro de 2004.

Foi nesta época que os dentistas da cidade de São Paulo passaram a ter coleta especial. O cadastro é feito junto a prefeitura, e a coleta é feita de acordo com o perfil do produtor. No meu caso, a coleta passa duas vezes por semana.

Quando foi instituída a cobrança da “taxa do lixo” pela prefeitura, nós passamos a ser taxados com um valor de R$44,30 mensalmente (atualmente é R$78,24) porque sou  Estabelecimento Gerador de Resíduos Sólidos de Serviços de Saúde (EGRS) Especial, ou seja, gero até 20Kg de residuo por dia, mas a taxa  é injusta em alguns casos, como na maioria dos tributos 😦 .  O não pagamento leva a inclusão na dívida ativa do município. Atualmente esta cobrança é trimestral. Aqui vc assina um abaixo assinado pra tentarmos mudar essa injustiça.

Mas e como era antes?

Eu particularmente, não me lembro de nenhuma ação especial dos colegas para com o destino do lixo contaminado.

Na década de 70 o lixo domestico era acondicionado em latas de 18l  forradas com jornal e eram colocadas na rua para serem recolhidas pelo lixeiro. Era característica da passagem do lixeiro, o barulho das latas sendo jogadas no chão depois de serem esvaziadas. Cada um então, saía a rua para recolher sua lata.

Daí vieram as lixeiras plasticas, os sacos de lixo, e as sacolinhas, que agora são vilãs, e a dúvida que não quer calar: Não pode distribuir sacolinha pq o pessoal usa pra por lixo. Mas vender saco de lixo pra pia, banheiro, de 15l, 30l, 50l etc pode???

Enquanto isso nos consultórios…

Desde que me lembro, os materiais perfuro cortantes eram acondicionados em frascos rigidos, mas depois eram descartados junto com o lixo geral, e recolhido junto com a coleta domestica, inclusive a gase, algodão e todos os demais materiais contaminados. Em alguns casos os resíduos de amálgama eram acondicionados em potes com água e entregues a coletores que passavam de tempos em tempos, com a explicação do reaproveitamento do mercurio (!), mas eu acredito que muitos colegas jogavam direto no lixo mesmo, que acabavam nos aterros.

Hoje, a consciência ecológica e as multas, fizeram muitos repensarem estas atitudes.

Eu, para ser honesta, estou tentando me adaptar a todas as normas, o que não é muito fácil.

Neste post/entrevista do Sofá do Dentista, tivemos uma aula de o que, e como, acondicionar e descartar os dejetos, de acordo com o Plano de Gerenciamento dos Resíduos de Serviços de Saúde (PGRSS) e a  Política Nacional de Resíduos Sólidos

Eu já pratico a maior parte das ações, mas devo admitir, que para estar 100% dentro das normas ainda levo um tempo.

E, de novo, pensando no tamanho e nas distâncias deste país, pergunto: A sua cidade tem coleta especial para os Resíduos Sólidos de Saúde? Se não, informe-se de quais atitudes você pode tomar para agir o mais ecologicamente correto possível.

Lembre-se do bom e velho “Faça a sua parte”.

Anúncios
Published in: on 15 de abril de 2012 at 18:39  Comments (4)  
Tags: , , , ,

The URI to TrackBack this entry is: https://odontostalgia.wordpress.com/2012/04/15/residuos-solidos-de-saude-o-que-voce-faz-com-o-seu/trackback/

RSS feed for comments on this post.

4 ComentáriosDeixe um comentário

  1. Belo post, Celia! Essa questão das sacolinhas eu não engulo também…

  2. […] Resíduos sólidos de saúde: O que você faz com o seu? –> Odontostalgia […]

  3. […] Quem é dentista na cidade de São Paulo e tem um consultório em conformidade com a normas da prefeitura conta com o serviço de coleta de lixo hospitalar e claro, paga uma taxa por isso, a TRSS (Tarifa de Resíduos Sólidos de Saúde). Já falei sobre isso aqui. […]

  4. […] Já falei disso aqui. […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: